-

Justiça transforma em preventiva prisão de acusado de falsificar compra de carro

A Justiça confirmou, neste final de semana, a prisão preventiva de Alyson Alberto, 32 anos, acusado fraudar documentos para comprar de um veículo em nome da própria mãe. O seria entregue veículo foi entregue em uma “boca de fumo” como pagamento de dívidas com o tráfico de drogas.
Alyson Alberto  já estava preso desde a última sexta-feira (10), após uma ação realizada pela Polícia Civil, através da Delegacia de Defraudações e Falsificações de João Pessoa.
O acusado responde agora a 10 processos criminais como lesão corporal, desacato, porte ilegal de armas, estelionato, falsidade ideológica e tráfico de drogas.
Alyson Tanque será apresentado à audiência de custódia nesta segunda-feira (14), que poderá manter a decisão do plantão ou determinar outra medida ao suspeito como a liberdade sob o pagamento de fiança.
MaisPB

Compartilhe :

veja também

Publicidade Publicidade Cacimba de Dentro-PB Secretaria de Educação Facebook

últimas notícias