-

Ministra Damares Alves pede exoneração do cargo

A Revista Veja, por meio da sua versão digital, divulgou na manhã desta sexta-feira (3) que a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, pediu exoneração do cargo. Segundo a reportagem, um dos principais motivos é a segurança de Damares, que vem recebendo ameaças de morte.
A reportagem cita que desde quando assumiu o ministério, no início de 2019, a ministra vem enfrentando ameaças de morte. Por conta disso, ela até se mudou de sua residência, em Brasília, para morar em um hotel, cujo endereço é mantido em sigilo. Por recomendação do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSI), Damares circula escoltada pela cidade, não antecipa sua agenda e tem um segurança na entrada de sua sala durante todo o expediente.
Em reunião com o presidente Jair Bolsonaro, Damares informou que deixará o ministério somente quando tiver concluído revisões dos principais programas da Pasta. Segundo a Revista Veja, a ministra explicou a Jair que não tem mais condições físicas e psicológicas para permanecer no cargo e avisou que fica até no máximo, dezembro deste ano.
Bruno Marinho – MaisPB

Compartilhe :

veja também

Publicidade Publicidade Cacimba de Dentro-PB Secretaria de Educação Facebook

últimas notícias